sábado, 9 de julho de 2016

Paráfrase, oração adverbial [reduzida/desenvolvida] e relação de sentido


Considere a tirinha com o personagem Armandinho e, em seguida, faça o que se pede:

1. Indique a relação de sentido expressa pela primeira oração, na segunda fala [segundo quadrinho].

As orações adverbiais são ligadas ao verbo de uma oração principal indicando determinadas relações de sentido, como: causa, comparação, concessão, condição, conformidade, consequência, finalidade, proporção e tempo. No caso específico da referida oração, temos a relação de sentido de finalidade. No contexto do quadrinho, não haveria dia para termos como meta, objetivo, finalidade demonstrar carinho pelas mulheres.

2. Identifique a forma em que a referida oração foi redigida [desenvolvida ou reduzida].

Quando falamos na forma como as orações subordinadas se apresentam, estamos analisando a estrutura formal dela, isto é, se são desenvolvidas [apresentando conectivos oracionais e verbo na forma modal: indicativo, subjuntivo ou imperativo] ou se são reduzidas [não apresentando conectivo oracional e com verbo no infinitivo, gerúndio ou particípio], A oração em análise Pra mostrar nosso carinho [...] estabelece relação de finalidade por meio da estrutura ou da forma reduzida de infinitivo. Notemos que não há conectivo oracional e o verbo se encontra no infinitivo, nesse caso, flexionado.

3. Reescreva a primeira oração [segundo quadrinho], passando-a para outra forma possível [observe a correção gramatical].

Outra maneira de redigir a oração que estamos analisando é transformá-la em desenvolvida, ou seja, construindo-a com conectivo e com verbo na forma modal. Assim teríamos a seguinte redação: Para que mostremos nosso carinho [...] ou A fim de que mostremos nosso carinho [...].

Grande abraço!


Prof. DiAfonso


Acesse e curta PORTUGUÊS NO PONTO.

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...